terça-feira, 27 de abril de 2010

BOMBEIROS EM CAPOTANÇO

Um carro de bombeiros capotou esta manhã em Ponta Delgada ao fazer uma rotunda!
Haveria necessidade?
Cruzo me muitas vezes com viaturas de bombeiros a altas velocidades e mesmo sem estarem em serviço. Porquê? Não deverão ser estes os primeiros a zelar pela segurança?
Não houve vitimas neste acidente, mas poderia ter havido.
Antes que seja tarde... convém quem de direito prestar atenção.

4 comentários:

Jordão disse...

Amigo Zeze…

…o auto-tanque que capotou, esta madrugada, na rotunda da Fajã de Baixo, ia em serviço – para um incêndio. Não lhe posso confirmar mas o tanque não devia de estar cheio, o que é uma falha grave. Ninguém é perfeito e os acidentes acontecem.
Mas agora pense se fosse vocês que estivesse do outro lado da chamada. Não queria que os bombeiros chegassem o mais depressa possível?! Arrisca-se um pouco – talvez, mas são riscos calculados e mais do que isso, treinados. A esmagadora maioria dos condutores têm formação em condução de emergência. Mas assim os acidentes acontecem.

Quando ao: “convém quem de direito prestar atenção” Isso sempre aconteceu. A PSP está na estrada e controla todos sem excepção. Não acredito que sejam assim tantas a andar depressa sem indicar marcha em urgência. ATÉ porque a principal regra para todas as situações que nos deparamos é: primeiro garantir a segurança dos intervenientes no socorro – leia-se bombeiros. Portanto andar a altas velocidades, sem razão para que tal aconteça, está a violar essa regra de oiro.

Mas é bom que surjam essas dúvidas e que depois sejam esclarecidas para salvaguarda do bom nome dos Bombeiros, todos eles, aquela hora, voluntários.

Um abraço

ZEZE disse...

Caro Jordão,
Sou dos que reconhecem o trabalho dos Bombeiros. A grande maioria deles, merecem o nosso respeito e a admiração da sociedade. Mas, e penso que estarás de acordo comigo, há uns poucos que são a excepção e que envergonham as Instituições que representam. Não sei e longe de mim emitir juizo de valor acerca do acidente ocorrido. Os acidentes acontecem, é verdade e pode até ter acontecido ao melhor bombeiro da corporação. Mas tenho visto muitos excessos.
Basta aos domingos de manhã fazer o trajecto Ponta Delgada / Mosteiros e vê-los em autentico rally sem estarem em serviço a caminho de Ponta Delgada e depois por volta do meio dia, vê-los no regresso.
Contudo, volto a dizer. A maioria dos Bombeiros merece me o meu maior respeito, carinho e admiração.

Jordão disse...

Os maus profissionais existem em todo o lado – felizmente são uma minoria.

Quanto ao caso que me apresentou, até sei quem é o Schumacher. Ele é bom profissional – sendo voluntário, só que tem o “pé pesado”. O que está errado.

Um abraço

Kafia disse...

Olá,

Primeiro de tudo, o autotanque estava cheio e dirigia-se para o incêndio. Em todos os locais existem bons e maus profissionais.
Eu conheço razoavelmente aquela "casa" e sei que nem tudo é um mar de rosas...